sexta-feira, 30 de dezembro de 2011

Por Marli

Eu não tenho o hábito de fazer resenhas dos livros que leio, mas este foi um livro que me emocionou muito e gostaria de dividir esta experiência com vocês.


Anjo Negro é um livro simples, porém não perde em nada em sua história. Talvez o que afaste mais as pessoas seja o preconceito por autores nacionais, mas para os amantes da literatura fantástica isso não e um problema, já que é um livro rico em mitologia, tornando-o um ótimo entretenimento. 

Darian, o protagonista em algumas partes, é um garoto que tinha uma vida normal até os seus 17 anos, que foi bruscamente mudada por um sonho, onde teve contato com o seu anjo da guarda e que abriu o portal para a sua localização, fazendo-o embarcar em uma aventura de autoconhecimento e descobertas de um novo mundo, o espiritual.

Não entrando muito em detalhes,mas aqueles que forem ler, podem esperar um grande e forte conflito interno de valores, onde dois caminhos distintos lhe foram impostos, sendo que um amenizará o sofrimento de sua mãe que se encontra no vale dos suicidas e o outro a libertará, mas a que preço? 

Eu particularmente tive muitas reações ao ler o livro. Ao acompanhar a trama, sorri,fiquei engasgada e bastante emocionada com o amor que ele tinha por sua mãe, que às vezes chegava a cegar-lhe a razão, fazendo-o mergulhar em seu próprio conflito, embora acredito que todos os acontecimentos foram necessários para o seu completo crescimento espiritual. 

O livro é realmente original ao falar de Neefilins, uma abordagem filosófica de inferno, amor entre filho e mãe, valores e ética, tudo isso envolto de fantasia em geral.

Espero que conquiste e emocione mais pessoas como me conquistou.

Nenhum comentário:

Postar um comentário