terça-feira, 16 de dezembro de 2014

“Eu sou uma bagunça, mas não quero alguém 
que queira me arrumar. 
Eu quero alguém que aceite minha confusão
sem se importar; que ame meu pior lado sem querer me mudar.”





Nenhum comentário:

Postar um comentário